(41) 3679.8100

Seu bem maior, sua saúde

Ao longo dos anos, a Sociedade Hospitalar Angelina Caron tem investido em procedimentos, com o objetivo de proporcionar aos seus pacientes, familiares e à comunidade como um todo, atendimento humanizado. A relação com os colaboradores é pautada por políticas responsáveis, visando o crescimento e aperfeiçoamento profissional dentro das diretrizes preestabelecidas em seu estatuto social.

Em função do crescimento da estrutura hospitalar, suas atividades tornaram-se complexas, exigindo melhor qualificação de seu corpo clínico e funcional devido à importância que a empresa possui para a sociedade local. Seu destaque também se deve ao fato de ser a maior empregadora da região, e isto fez surgir novos e crescentes desafios para que o Hospital Angelina Caron busque diferenciais em qualidade, com o objetivo de atrair e manter o seu quadro funcional. Dentre esses diferenciais está a busca por melhores práticas na gestão de pessoas e, consequentemente, por instrumentos que possibilitem ao Angelina Caron maior qualidade nos atendimentos.

O desafio que os hospitais vivem para buscar sustentabilidade no mercado envolve não só o controle dos recursos financeiros, mas também o investimento em pessoas e na eficiência dos serviços prestados. Esse trabalho deve ser adequado às necessidades das comunidades, proporcionando, a cada usuário, o engajamento com as causas da organização, levando a informação de forma clara e transparente.

É dessa forma que procuramos valorizar o maior bem que o paciente possui: sua saúde!

6 benefícios de se recuperar em casa

Conceito bastante difundido e aceito em países europeus, nos últimos anos, a desospitalização segura tem sido parte importante de debates de medicina mundo afora. A discussão sobre o tema foi iniciada a partir de uma percepção comum a muitos países quando o assunto é...

ler mais

Conheça 11 alimentos que são os vilões da pressão alta

Dados do Ministério da Saúde indicam que a hipertensão arterial – ou pressão alta, como é popularmente conhecida – atinge aproximadamente 30 milhões de brasileiros – 25% da população - e mata 300 mil pessoas todos os anos.  A maior parte dos hipertensos está na...

ler mais